Banner Top

A Jornada do Patrimônio Cultural de Minas Gerais consiste na realização simultânea de diversas ações de valorização da memória e do patrimônio cultural mineiro, que estão sendo realizadas nos mês de agosto de 2019, em várias cidades do estado. Tem por finalidade mobilizar municípios, entidades e agentes culturais para a realização de atividades que sensibilizem a sociedade para a promoção, valorização e preservação do patrimônio cultural.

O tema da Jornada este ano é “Culinária e Patrimônio”. O objetivo dessa edição é despertar o olhar, o interesse, a memória e o envolvimento da população com o patrimônio gastronômico de Minas Gerais.

Através da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, Campos Altos participou de todas as edições anteriores da Jornada e este ano participou da 7ª Jornada do Patrimônio Cultural de Minas Gerais com a realização do “8º Encontro Regional de Bandas de Campos Altos” e a exposição dos produtos tradicionais da culinária local para degustação e venda: café, queijo artesanal e doces.

Descrição da ação: Por meio da realização do “8º Encontro Regional de Bandas de Campos Altos”, com ênfase na apresentação da corporação musical local, Lira Santo Antônio, reconhecida como Patrimônio Cultural do Município por seu valor histórico, cultural e simbólico, buscou divulgar junto a comunidade a performance e qualidade musical das bandas participantes. E com isso sensibilizar os cidadãos de Campos Altos a apoiar e incentivar grupos culturais locais e regionais para preservá-los a gerações futuras. O Encontro teve a participação das bandas: Banda Som e Arte, da cidade de Arcos; Lira Vicentina Aterradense, da cidade de Luz; Lira Musical São Sebastião, de Nova Serrana; Banda Santa Cecília, da cidade de Rio Paranaíba; Banda de Música Santa Cecília, da cidade de Pains; Banda Musical José Viriato Bahia Mascarenhas da cidade de Pitangui e a anfitriã Lira Santo Antônio de Campos Altos. Fizeram apresentações gratuitas com o repertório de compositores regionais, mineiros, nacionais e internacionais. Durante todo o evento foram expostos produtos tradicionais da culinária local para degustação e venda: café,  queijo artesanal e doces. O café é o principal produto da economia desde a fundação de Campos Altos e no município produz-se o tradicional queijo minas artesanal de leite crú, conhecido como queijo da região de Araxá. Portanto, são dois produtos referência para identidade cultural local. E ainda o município possui a tradição na produção de doces artesanais.Importância da Atividade: A promoção e valorização das bandas participantes juntamente com as iguarias mais tradicionais do município de Campos Altos é uma ação de suma importância, pois possibilita a divulgação do modo de fazer (comida) e modo de se expressar (música) da comunidade, com o intuito de sensibilizá-la quanto à preservação do patrimônio cultural existente em sua cidade e região.

0 Comments

Leave a Comment